Fomos todos criados por Deus e para Deus. Ele queria ser nosso melhor amigo, e eterno Senhor. Mas os pecados que cometemos nos afastaram dele e trouxeram problemas e infelicidade à nossa vida. A Bíblia declara nossa situação sem Cristo:

  • “Todos pecaram e carecem da glória de Deus.” (Romanos 3.23.)
  • Espiritualmente mortos. “O salário do pecado é a morte.” (Romanos 23.)
  • “Quem nele crê não é julgado; o que não crê já está  julgado.”

(João 3.18.)

  • Separados de Deus. “Vossas iniquidades fazem separação entre vós e o vosso Deus.” (Isaías 2.)
  • Sem outras opções. “Não há salvação em nenhum outro; porque abaixo do céu não existe nenhum outro nome, dado entre os homens, pelo qual importa que sejamos salvos.” (Atos 12.)

Resumindo, sem Jesus estamos perdidos. Vivemos para nós mesmos, dirigindo nossa própria vida, buscando nossos próprios interesses. Fazemos a nossa própria vontade e não a de Deus. Transgredimos as leis de Deus, tornando-nos culpados diante dele. Tornamo-nos egoístas e vivemos frustrados. Ficamos envolvidos pelo pecado, perdemos o controle de nós mesmos e sofremos terríveis conseqüências.

O pior é que quando a vida termina, a separação de Deus se torna definitiva e eterna. E o destino terrível que Jesus chamou de inferno. Parece pavoroso, mas…

  • Deus tem boas notícias para nós!

Apesar de nossas falhas, fracassos e pecados, Deus nos ama. Não importa o que tenhamos feito, ele quer nos salvar e ainda quer ser nosso amigo. Ele tem um plano maravilhoso para restaurar a nossa vida. Deus conhece nossa triste condição e, até mesmo antes de nascermos, enviou Jesus Cristo para receber em seu próprio corpo o castigo de nossos pecados. Ele nos oferece perdão e nova vida.

Jesus significa “Salvador”. Ele veio para salvar-nos. Cristo significa “escolhido”. Deus o escolheu e o enviou para cuidar das nossas necessidades e dos nossos problemas.

“Deus prova o seu próprio amor para conosco, pelo fato de ter Cristo morrido por nós, sendo nós ainda pecadores.” (Romanos 5.8.).

Mas Jesus Cristo não foi vencido pela morte. Ele ressuscitou e vive para salvar você agora mesmo! Agora que sabe o quanto Jesus o ama, está pronto para segui-lo?

  • Como começar

Sabendo que Deus o ama e lhe oferece o perdão, fale com ele (em suas próprias palavras) e…

Confesse seus pecados. Mencione-os pelo nome:

mentira, orgulho, desonestidade, roubo, adultério, ódio ira, rancor, ganância, egoísmo, impureza, idolatria, macumbaria… ou outros pecados. Admita que está errado.

Diga a Deus que está arrependido e que com a ajuda dele, você está disposto a abandonar todos os pecados. Deixe ele dirigir sua própria vida e entregue o controle a Jesus.

Renuncie consagrações anteriores. Devoção a “santos” ou guias espiritualistas é contra a vontade de Deus, pois representam Satanás e recebem dele poder para prejudicar sua vida. Em alta voz, renuncie todos eles assim:

“Em nome de Jesus Cristo, eu renuncio Satanás, todos os espíritos malignos, toda a devoção a guias espiritualistas, “santos” e outras religiões. Desfaço minha consagração, me consagro, voluntariamente ao Senhor Jesus Cristo”.

Diga a Deus que crê nele e em Jesus Cristo, e que se entrega completamente a ele. Crer nele é confiar que só Jesus Cristo pode salvar sua vida e sua alma… É  crer também que ele está fazendo isso agora! Peça o perdão de seus pecados e que o Senhor Jesus entre no seu coração para estar sempre na sua vida. Ele perdoará seus pecados quando você o receber no coração, ele receberá você na família e no reino de Deus.

Para finalizar sua decisão, agradeça ao Senhor Jesus por seu amor e perdão.

IGREJA BATISTA DO CALVÁRIO – SÃO JOÃO DO PARAÍSO – MG

www.ibatistacalvario.com.br

w.marcelooquadros.blogspot.com